Home          Doença Celíaca e Sensibilidade ao glúten           Quem somos        Fale Conosco         

 

Doença Celíaca

Manual do Celíaco
Perguntas freqüentes
Materiais p/ Download
Sensibilidade ao glúten
Dieta sem Glúten
Dermatite Herpetiforme

Doença Celíaca e problemas bucais

Doenças associadas
Doenças Autoimunes
Diabéticos
Autistas
Síndrome de Down
Epilepsia
Alergia X Intolerância
Receitas sem Glúten 1
Receitas sem Glúten 2

Receitas para

Máquina de pão

Receitas diet s/ Glúten

Produtos sem Glúten

Artigos Científicos
Artigos traduzidos
Livros publicados
Espaço Infantil
Leis e Documentos

Orientação para Restaurantes

 

 

 

Links Importantes:

clique para conhecer

 

 

Coleção de

 textos sobre glúten

 

 

RIO SEM GLÚTEN

no

Instagram

@rio_sem_gluten

 

 

RIO SEM GLÚTEN

no

Facebook

www.facebook.com/riosemgluten

 

 

ACELBRA

Associção dos Celíacos do Brasil

 

 

Portal da

FENACELBRA 

 

 

Página da

ACELBRA-RJ

Associação de Celíacos do RJ

 

 

 

 

Laboratórios para análise de presença de glúten em alimentos:

 

LABCAL - UFSC

www.labcal-cca.ufsc.br/

labcal@cca.ufsc.br

 

 Rod. Ademar Gonzaga, 1346 Itacorubi  Florianópolis - SC CEP 88034-001

TEL (48) 3721-5391 

(48) 3721-5392 

FAX (48) 3334-2047

 

 

Food Intelligence - SP

www.foodintelligence.com.br

 

LABORATÓRIO DE ANÁLISE DE ALIMENTOS LTDA

Rua Pássaros e Flores, 141 Bairro Jardim das Acácias

São Paulo - SP

CEP 04704000

Tel (11) 5049.2772

Fax (11) 5049.2100

 

 

CEREAL CHOCOTEC - ITAL

http://www.ital.sp.gov.br/cerealchocotec/

Laboratório de Análise de Alimentos

chocotec@ital.sp.gov.br ,
cerealchocotec@ital.sp.gov.br

Av. Brasil, 2880
Campinas - SP
CEP 13070-178

TEL (19) 3743-1960

(19) 3743-1961

FAX (19) 3743-1963

 

 

 

 

 

RECEITAS sem glúten

Blogs:

 

Sabores da Cozinha
sem glúten

(Josy Gomez)

 

Cozinhando sem glúten

(Gilda Moreira)

 

Receitas sem glúten e sem leite da Claudia Marcelino


 

My Delishville

Receitas sem glúten da

 Leila Zandona

 

                                                                                                                                                                       

 

Controlando o orçamento na dieta sem glúten
Tradução Google/ Adaptação Raquel Benati

 


Por Rita Brhel, NFCA


Algumas décadas atrás, quando a doença celíaca era considerada como uma doença infantil rara e dermatite herpetiforme - a manifestação da DC na pele - era praticamente inédita, os clientes encontravam dificuldades para ler os rótulos dos alimentos, que tinham pouco incentivo para incluir o termo "Não contém glúten". Hoje, as lojas dedicam seções para o cliente celíaco, e as marcas estão cada vez mais deixando claro se os seus alimentos contêm ou não os grãos proibidos.

Mas fazer compras de alimentos sem glúten ainda não é uma tarefa fácil. O preço do alimento sem glúten às vezes pode ser o dobro dos produtos contendo glúten. Sem pensar duas vezes, o consumidor livre de glúten pode rapidamente explodir seu orçamento alimentar. Aqui estão algumas sugestões recolhidas em famílias sem glúten sobre como domar sua conta de alimentação:

1- Defina um orçamento semanal para alimentação - Por ter parâmetros de quanto você pode gastar, você é forçado a encontrar formas para se manter dentro desses limites. Pagando com dinheiro, ajuda a cumpri-lo.

2- Use alimentos naturalmente sem glúten - carnes, ovos, frutas, verduras e produtos lácteos na sua forma natural não contém glúten. Cozinhar alimentos saudáveis requer mais planejamento e tempo na cozinha, e é certamente menos conveniente, mas é mais nutritivo e muito mais seguro quando se trata de evitar a exposição ao glúten. Isso também permite que você aprenda as habilidades de cozinhar novas opções, tais como  fazer sorvete, caldo de frango e molho madeira sem glúten. 

3- Investigue as melhores estratégias de compra para os produtos sem glúten - fontes on-line ( sites de compra) são muitas vezes menos caro do que sua loja local para pães, massas e outros produtos sem glúten. Compre volumes maiores e armazene adequadamente os itens alimentares que tem data de validade longa.

4 -Planeje refeições com antecedência - Comprar de acordo com os planos do menu limita a tentação de comprar alimentos de forma aleatória. Outra idéia é criar um plano de refeições com ingredientes semelhantes, como a lasanha sem glúten na segunda-feira e espaguete sem glúten na quinta-feira, assim os ingredientes que sobram - neste caso, queijo, molho e carne moída - podem ser usados em outra refeição. Além disso, comprar produtos que estejam na estação própria é mais barato. Então planeje as refeições tendo em vista esses produtos.

5- Coma mais em casa do que comer fora - Comer em um restaurante é muito mais caro do que fazer uma refeição em casa. Claro, você pode desfrutar de uma refeição em um restaurante seguro em ocasiões especiais, mas dê preferência a comer em casa na maioria das vezes - é mais saudável e mais seguro. 

6- Cultive alimentos em casa - Plante uma pequena horta no seu quintal, ou utilizando recipientes em sua varanda ou apartamento: tomate, alface, ervas, até mesmo morangos. Se o espaço e políticas o permitirem, você pode até considerar começar a criar suas galinhas para os ovos, abelhas para o mel ou cabras para leite.


http://blog.vitacost.com/food-and-drink/budget-friendly-gluten-free-living.html
 

 

 

Empresas de Celíacos e suas famílias:
clique nas imagens

                               

Clube Gluten Free Land!

O primeiro clube de assinatura de alimentos sem glúten,

sem lactose e

até mesmo veganos,

desenvolvido por celíacos, como você.

Entregas em todo o Brasil!

 

Loja Virtual - produtos s/ glúten

Entregas p/ todo o Brasil

 

 

Loja Virtual - produtos s/glúten

Entregas em todo o Brasil

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Licença Creative Commons
This work by www.riosemgluten.com is licensed under a Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial-Compartilhamento pela mesma licença 3.0 Unported License.

                                                                                                                                Última atualização: 11 setembro, 2017